Ouvindo Antes de Morrer

Transmissão ao vivo do show do Public Enemy em SP.

Pra quem não sabe nosso maravilhoso e incrível Prefeito Haddad resolveu trazer o Public Enemy pra um show de graça em SP porque sim. 

Aí não contente tá rolando transmissão ao vivo pela internet. É só clicar aqui. 

p.s: melhor prefeito!

A No FUN agora é oficialmente parceira da Rádio Brasil 2000 e a gente vai comemorar quebrando tudo na pista do Outs amanhã.
Bora? É só confirmar aqui :)

A No FUN agora é oficialmente parceira da Rádio Brasil 2000 e a gente vai comemorar quebrando tudo na pista do Outs amanhã.

Bora? É só confirmar aqui :)

Tô num dia de merda e sem condições de postar música.
Vou deixar um gif de amor pra todo mundo entender e não me xingar.
beijos de stress.

Tô num dia de merda e sem condições de postar música.

Vou deixar um gif de amor pra todo mundo entender e não me xingar.

beijos de stress.

Insônia…(via draw me a song)

#551. Tomorrow is a Long Time - Elvis Presley (1966)

Elvis velho, gordo, suado, decadente, desacreditado e arrependido. Maravilhoso.

Foi justamente nessa fase 66 - 67 em que gravou suas músicas gospel-arrependidas (desculpa repetir a palavra, mas nesse caso é necessário), que lhe renderam um Grammy para o álbum How Great Thou Art, e foram responsáveis pelo seu grande comeback.

Essa faixa, no caso é um cover puxado pro blues de uma de suas canções favoritas do Dylan, que apesar de longa demais para o meu espírito de 3 acordes, é incrível.

#550. Please Read the Letter - Robert Plant & Alisson Krauss (2007)

Só pela capa a gente sabe que já tem coisa errada. Aí fui ouvir (afinal sou obrigada), e sim, é um saco de um mela cueca de um blues branco pasteurizado. 

A dona Krauss é uma conhecida cantora de bluegrass, os dois já tinham feito uma parceria em homenagem ao Lead Belly (sim, um afronte), e ainda ganharam um Grammy nessa palhaçada. 

ué?

ué?

Tags: ny dolls

#549. Sour Times - Portishead (1994)

Trilha sonora infalível de qualquer one night stand (que preste). 

Como eu amo trip hop.

#548. Immigrés/Bitim Rew - Youssou N’Dour (1984)

Não é lindo quando você não dá nada pra uma música e logo no primeiro segundo ama com todas suas forças?

Antes de brilhar com Neneh Cherry em “7 seconds”, Youssou fez uma performance para associação senegalesa de taxistas em Paris (sério), cantando essa música em que lembra que seus conterrâneos sempre podem retornar para sua terra <3.

A música tem 7 minutos, mas não cansa nem por um instante. E tô aqui ouvindo 7 seconds de novo no repeat, sim ou sim?

#547. Child’s Christmas in Wales - John Cale (1973)

Apesar de toda experiência com o Velvet Underground, essa seria a primeira vez que Cale assumia a liderança e os holofotes de um grupo.

Depois de sair do Velvet em 68, John produziu o primeiro álbum dos Stooges (o que já é o suficiente para amá-lo para sempre e todo o sempre). Nessa ~parceria~ contratou o produtor dos Beatles e Pink Floyd, Chris Thomas e três quintos do Little Feat como sua banda de apoio.

Ótimo para quem ainda está desenvolvendo estômago para os seus primeiros trabalhos.

This is a very important gifset.

Não estou sabendo lidar com esse gifset.

(Source: spoopmastermary, via chiveta)

Mulheres que quebram tudo no hip-hop. Começando pelo machismo.

Lembram que dia desses fui até São Carlos cobrir o Festival Contato para entrevistar 3 rappers maravilhosas incríveis pro Think Olga?

Taí o resultado do meu papo com a Ana Tijoux, Miss Bolívia e Karol Conká. É só clicar AQUI.

E já aviso que saí tão inspirada que virei fã das três. Sério. Juro. Tô mexendo a pélvis.

#646. El muerto vivo - Peret (1966)

Música maravilhosa para tomar drinks em praias maravilhosas, dançar uma rumba-flamenco com biquínis coloridos vintage, flores no cabelo e viver um affair nível Dirty Dancing.

Ainda mais pra quem tá em SP. No trabalho. Enquanto garoa.

Public Enemy em SP
Se esse não é o melhor prefeito que SP já teve, não sei quem pode ser.
E a gente até perdoa ele ter citado beatles.

Public Enemy em SP

Se esse não é o melhor prefeito que SP já teve, não sei quem pode ser.

E a gente até perdoa ele ter citado beatles.

Como eu me sinto quando lembro que amanhã é sexta.

Como eu me sinto quando lembro que amanhã é sexta.